A Crise No Corinthians

Ontem, estava preparando uma resenha sobre a crise no time do parque São Jorge, mas não tive tempo. Mas não podia imaginar que essa espera seria tão oportuna para escrever um raio X completo da gravidade do problema do timão.Diante do desenrolar dos acontecimentos, podemos tirar algumas conclusões este episódio: primeiro, que existe sim, uma crise interna no Corinthians, que abrange desde a diretoria até os jogadores; segundo, que a atitude da torcida do Corinthians e interferir nas decisões do clube é louvável, mas precipitada; terceiro, que Rincón fracassou ao tentar ser o líder e da equipe e que Oswaldo de oliveira errou ao insistir que este fosse o líder da equipe; quarto, existe um racha no grupo de jogadores: de um lado os jogadores mais experientes querendo mandar na equipe, e de outro, os novatos que não querem obedecer e que querem apenas ter vez do grupo, tendo ao centro um técnico que de fato, não conseguiu autoridade para combater a situação; e por fim, todo isto é o produto de uma crise administrativa e financeira que vem se arrastando por anos no Corinthians.Mas tudo isso tem solução? Claro que sim! Se o Corinthians desenvolver, desde já, um projeto administrativo mais profissional, voltará com certeza a triunfar entre os grandes do futebol brasileiro. Mas como isso seria possível? Muito simples, já que a torcida do Corinthians quer participar da administração do clube, porque não torná-los sócios? Imaginem que, se um milhão de torcedores venham a se tornar sócios do Corinthians, pagando uma mensalidade de R$10 por mês, tendo acesso ao clube, descontos em ingressos, direito a voto, além de outras facilidades. A receita do clube, fora os patrocínios, chegarem a mais de 10 milhões de reais mensais, quantia suficiente e para, além de manter o clube sozinho, ser possível contratar reforços de peso, construir um centro de treinamento decente, e o tão sonhado estádio do Corinthians. É este, o modelo administrativo da maioria dos clubes da Europa. Não é à toa que eles podem contratar jogadores de peso como a maioria dos craques brasileiros. Se este modelo fosse seguido pelos clubes do Brasil, certamente não haveria crise no futebol. O amadorismo das administrações dos clubes estão por querer matar a galinha dos ovos de ouro, e as leis Piva e Pelé foram criadas justamente para tentar evitar tudo isso. Mas os cartolas estão impurrando com a barriga essas leis, porque não vêem vantagem para eles este modelo de administração, pois partindo do pressuposto de que o clube passaria a funcionar como uma empresa, e eles não poderiam mais realizar as falcatruas que costumavam fazer, enriquecendo seus cofres, e não os do clube. Se essa “Revolução” corintiana, realmente acontecer da maneira que imagino, e der certo, será criado um divisor de águas do futebol brasileiro, pois temos que ter consciência de que somente o torcedor poderá o salvar da situação de falência em que se encontra.

Autor: Kazzttor

André Arruda dos Santos Silva, ou Kazzttor, é paulistano. Oriundo de família humilde, mas trabalhadora, viveu seus primeiros anos de sua infância no bairro do Ipiranga, cidade de São Paulo, e em seguida, mudou-se com sua família para Diadema, município vizinho, onde vive até hoje. Ativista, blogueiro, professor de informática, amante de tecnologia, esportes e artes, André procura em suas manifestações intelectuais escritas em seus blogs ou nas organizações as quais faz parte, mostrar um jeito mais humano, irreverente e diferente de ver e entender o mundo. Atualmente é universitário, bancário, participante de atividades sindicais, políticas e ideológicas, sempre tendo como objetivo buscar nos princípios éticos e de respeito mútuo a chave de uma sociedade mais harmônica e humanamente sustentável.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s