O Topo

O topo. Lugar dos vencedores. Lugar daqueles que almejam a felicidade. No topo o mundo se faz visto, e é nele que temos uma visão da Terra, logo abaixo e do universo, logo acima. Será que estando no topo, estaríamos mais próximos de Deus? Estaríamos mais próximos da origem de tudo? Mas nós, seres humanos, tão frágeis e voláteis, não podemos nos contentar ao solo sobre nossos pés? Queremos sempre estar acima, acima de todas as coisas, do bem e do mal. Assim o topo se torna um lugar infinitamente pequeno. Pequeno a ponto de se reduzir a um mirante, onde avistamos novos horizontes. Mas o topo também pode ser uma pequena glória. A glória de viver, de fazer viver e ser importante, pelo menos a nós mesmos. Pule! Cante! Faça acontecer! Saia de casa! Há um mundo imenso lá fora a ser descoberto e a ser visto! Planeje uma viagem, mesmo que seja a um lugar próximo. Contemple cada paisagem, pois muitas vezes não notamos a beleza que há nas coisas mais simples os quais o cotidiano nos impede de contemplar. Alimente sua memória de momentos felizes. Crie, mesmo que parecer bobagem! Pois o acerto sempre surge após muitas tentativas! Tome coragem, erga a cabeça e vá a luta! Tente fazer um mundo diferente, pois a diferença é que faz a diferença. Discuta! Critique! Seja a voz dissonante quando não concordar com algo, mesmo que seja voto vencido, pois não significa que você é um inimigo do senso comum, e sim amigo do senso crítico e, ao mesmo tempo, teve a personalidade de dizer o que pensa. Não se pode vencer sem lutar. Não se pode chegar ao topo, sem mover seus braços, pernas, voz e coração para chegar até lá. E quando chegar, sorria! O sorriso é a forma de exibir sua satisfação diante de um momento vitorioso. Faça do seu dia um dia de glória, e a cada passo adiante uma vitória a ser comemorada com um grande, mas sincero, sorriso.

Autor: Kazzttor

André Arruda dos Santos Silva, ou Kazzttor, é paulistano. Oriundo de família humilde, mas trabalhadora, viveu seus primeiros anos de sua infância no bairro do Ipiranga, cidade de São Paulo, e em seguida, mudou-se com sua família para Diadema, município vizinho, onde vive até hoje. Ativista, blogueiro, professor de informática, amante de tecnologia, esportes e artes, André procura em suas manifestações intelectuais escritas em seus blogs ou nas organizações as quais faz parte, mostrar um jeito mais humano, irreverente e diferente de ver e entender o mundo. Atualmente é universitário, bancário, participante de atividades sindicais, políticas e ideológicas, sempre tendo como objetivo buscar nos princípios éticos e de respeito mútuo a chave de uma sociedade mais harmônica e humanamente sustentável.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s